Com 13 paraenses no plantel, naturalidade não garante titularidade no Paysandu

Diego Matos vai disputar posição com o experiente Bruno Collaço, mas está confiante no seu trabalho (Foto: Fernando Torres/Paysandu)

Dos 27 jogadores que compõem o atual elenco do Paysandu, que deve chegar a 28 atletas com o anúncio oficial da contratação do meia Thiago Primão, 13 deles são paraenses. Alguns são remanescentes da temporada de 2018. Entre estes, está o lateral-esquerdo Diego Matos, de 22 anos, utilizado em oito jogos do time na Série B do Brasileiro. O defensor não acredita que os atletas locais levem algum tipo de vantagem na disputa por uma das vagas da equipe para a estreia no Estadual, dia 23, contra o São Francisco, na Curuzu. Segundo ele, os treinos são o que determina a titularidade de cada jogador, independente da procedência.

“Quem vai dizer quem vai ter vez ou não são os treinamentos. Quem estiver bem, com toda a certeza, será o escolhido pra jogar”, previu o defensor. Na lateral-esquerda, posição que ele ocupa, Diego anunciou uma briga sadia com o Bruno Collaço, até aqui o único jogador contratado para o lado canhoto da defesa bicolor. “Assim como o Guilherme (Santos, que foi para o Guarani-SP) era um excelente jogador, o Bruno também é um jogador rodado no mundo do futebol, mas vai jogar quem estiver bem. Vou deixar para o professor (técnico, João) Brigatti a escalação”, declarou.

Diego afirmou que ainda tira lições de 2018, mesmo com o ano tendo sido ruim para o Papão. “Para o clube, 2018 é um ano para ser esquecido, mas pra mim... Fui bem, agora é dar continuidade. Quero conquistar tudo o que puder. Para mim é uma honra vestir essa camisa”, declarou o lateral, que comentou a radical mudança sofrida pelo plantel do clube do ano passado para a atual temporada. “O elenco mudou praticamente todo. Estamos nos conhecendo aos poucos. Os jogadores que vieram são todos de qualidade”, avaliou.

(Nildo Lima/Diário do Pará)
10/01/2019
>> Clique aqui para receber mais notícias, vídeos e promoções exclusivas do Paysandu
Tecnologia do Blogger.